Arquivo da tag: web

Site da Casa Branca pode não ser…da Casa Branca

guantanamo

Em um inusitado lapso de segurança e de informação, a Casa Branca (White House, residência oficial do presidente dos Estados Unidos e símbolo do poder executivo naquele país) deixou de registrar o nome “whitehouse” nos domínios .com e .org.

Resultado: quando se clica em www.whitehouse.org  a busca é direcionada para um site humorístico que satiriza a…Casa Branca. O site oferece camisetas parodiando a base militar e presídio americano de Guantanamo e pôsteres “patrióticos” estampados por George W. Bush.

E o internauta que clicasse em http://www.whitehouse.com caia em um site pornográfico – que aproveitou-se o quanto pôde do prestigiado nome (veja um texto a respeito) até que passou o dominio adiante em 2008.  Atualmente, ao clicar-se na URL cai-se em uma página em branco com dizeres pouco compreensíveis.

Em tempo: o site oficial da Casa Branca é: www.whitehouse.gov

Já no Brasil, o pessoal do Palácio do Planalto parece mais antenado. Quando clica-se em www.presidencia.org.br vai-se para uma página em branco; o site oficial da Presidência da República é www.presidencia.gov.br

 E a propósito: quando colocamos www.presidencia.net  aparece o seguinte aviso: For Sale Domain!

Candidatos?

 

Deixe um comentário

Arquivado em Internet

The Economist: nos EUA, 64% usam Google

Search1

O “mercado de buscas” na internet nos Estados Unidos é dominado pelo Google (64%), seguido por Yahoo (20%) e Live, da Microsoft (8%).

Os dados estão em uma matéria interessante da revista The Economist, que antecipa algumas novas tecnologias de busca que estão sendo desenvolvidas. Segundo a publicação, as empresas estudam soluções para refinar as buscas, para que o usuário encontre respostas para suas questões.

Uma das ideias é organizar o buscador de modo que este “antecipe os interesses de quem faz a busca”, diminuindo brechas para informações aleatórias. Conversa de ficção científica, mas para ficar de olho…

Deixe um comentário

Arquivado em Internet

No Brasil, número de internautas cresce 36% ao ano

Dados da International Telecommunication Union (citados em uma publicação da CEPAL) apontam que no Brasil havia, em 2007, 26 usuários de Internet para cada 100 habitantes. É mais do que Argentina (23), México (21) e Paraguai (4); e menos do que Estados Unidos (72), Japão (73) e Austrália (54).

Por aqui, entre 2000 (quando eram 3 internautas para cada 100 habitantes) e 2007 a taxa de crescimento de usuários da rede foi de 36%  ao ano.

Ou seja, a se continuar neste ritmo, em 2012 alcançaremos índices norte-americanos de uso da rede. Resta saber onde estarão eles quando chegarmos lá…

Deixe um comentário

Arquivado em Internet

Há mais miseráveis ou internautas no planeta?

 

 3311333128_1ff313fbee_m

Dois dados publicados recentemente pela revista britânica The Economist nos permitem uma comparação curiosa (é realmente apenas uma curiosidade).

O primeiro número, atribuído ao Banco Mundial, dá conta de que cerca de um quarto da população mundial, ou 1,4 bilhão de pessoas, vive em situação de “pobreza extrema” (com menos de US$ 1,25 por dia).

O outro número citado pela revista mostra que há 1 bilhão (a cada dia que passa, um pouco mais) de usuários de Internet no mundo.

Ou seja: há mais miseráveis do que internautas – e isto apesar do número de usuários da rede crescer continuamente e o de miseráveis nas últimas duas décadas ter caído (e aqui parto do pressuposto de que quem vive com menos de US$ 1,25 ao dia não tenha acesso a computadores).

E a atual crise não ajuda no placar miseráveis x internautas: o Banco Mundial prevê que a recessão global poderá levar entre 40 milhões e 90 milhões de pessoas para a situação de pobreza extrema.

Enfim, números, números, números….

Deixe um comentário

Arquivado em Política

Política, internet e eleições

3212482949_e90aa49c2c_m

Imagem: brubeck

A maneira como a Internet interfere na política – e nas campanhas eleitorais – pode gerar estudos interessantes.

Uma pesquisa sobre o comportamento do eleitorado americano em 2008, na disputa presidencial que elegeu Obama, feita pela Pew Internet & American Life Project, por exemplo,  mostra que 74% dos usuários da rede nos EUA (ou 55% da população adulta total) utilizaram a Internet para coletar informações sobre as eleições.

Cerca de metade (45%) acessou vídeos de campanha via a web e um terço repassou mensagens com conteúdo político.

Foram entrevistadas 2.542 pessoas entre novembro e dezembro de 2008 – veja o resumo aqui (em inglês).

No Brasil, um livro da Fundação Perseu Abramo – A Mídia nas Eleições de 2006 (Organizado por Venício A. de Lima) – sugere que por aqui a influência da Internet também se faz sentir: ela possibilita o surgimento de novos “formadores de opinião” (ONGs, pensadores, associações, grupos etc), que podem servir como contraponto crítico às mensagens de políticos, grande mídia etc.

A idéia é instigante, embora seja, por enquanto, apenas uma boa hipótese.

Deixe um comentário

Arquivado em Internet, Mídia

The Economist: média de “amigos” no Facebook é de 120

2784193777_259d47a147_m3
Imagem: pôster boy

A revista britânica The Economist traz um bom artigo sobre redes sociais online como Facebook e Twiter.

A publicação pediu a um sociólogo que calculasse a quantidade de “amigos” mantidos, em média, pelo usuário do Facebook (provavelmente nos EUA, o texto não deixa claro). O resultado: 120.

Desses 120, porém, a pessoa mantém uma relação online mais estreita – ou interage de modo continuado – com apenas 7 outros usuários no caso de homens, e 10 no de mulheres.

A revista sugere que, nesses tempos digitais, “os humanos podem estar expondo suas vidas de maneira mais intensa. Mas os círculos de intimidade não se alteram”.

Taí uma boa tese de psicologia social.

A revista lembra ainda um estudo de um antropólogo da Universidade de Oxford, Robin Dunbar, segundo o qual “o poder cognitivo do cérebro limita o tamanho de redes sociais que um indivíduo – de qualquer espécie – pode manter”.

 

 

3 Comentários

Arquivado em Internet

Segundo The Economist, mais de 1 bilhão usam internet no mundo

internet

Pela primeira vez o número de usuários de internet no mundo superou a marca de 1 bilhão, de acordo com matéria publicada no site da revista inglesa The Economist.

Um em cada seis usuários está na China (180 milhões), seguida pelos Estados Unidos (163 milhões). O Brasil aparece na nona colocação, com mais de 27,6 milhões de pessoas conectadas, ou 2,7% do total mundial.

A fonte dos dados é a empresa comScore (que mede audiências online) – veja aqui os números completos & explicações sobre a pesquisa (em inglês).

1 comentário

Arquivado em Mídia

Os 50 pioneiros da Internet brasileira

145621388_aab8d4a096_m

Imagem: Fensterbme

O editor assistente do site IDG Now!, Pedro Marques, publicou recentemente um texto interessante com números de registros de domínios na Internet brasileira.

Em 2008, foram registrados 830 domínios (URLs etc) ao dia, conforme números do Comitê Gestor da Internet Brasileira.

A história começa em 1995/1996 com os primeiros registros. Veja a lista dos 50 pioneiros, de acordo com a IDG Now!:

Comunicação
abril.com.br
agestado.com.br
atribuna.com.br
atribuna.com.br
folha.com.br
jc.com.br
oglobo.com.br
redeglobo.com.br
sbt.com.br

Finanças
abnamro.com.br
bamerindus.com.br
banco1.com.br
banespa.com.br
banrisul.com.br
bemge.com.br
bradesco.com.br
unibanco.com.br
credicard.com.br

Pesquisa/Governo
bndes.gov.br
capes.gov.br
capes.gov.br
fapeal.br
fapema.br
faperj.br
fapesp.br
ipt.br
lncc.br
mec.gov.br
pucsp.br
rederio.br
rnp.br
tche.br
ufrj.br
unesp.br
unicamp.br
usp.br

Gerais
amcham.com.br
bol.com.br
chevrolet.com.br
dialdata.com.br
embratel.net.br
ibase.org.br
ibm.com.br
itautec.com.br
mandic.com.br
philco.com.br
porto-seguro.com.br
tectoy.com.br
volkswagen.com.br

(a dica da matéria foi enviada por Cássio Martorelli)

Deixe um comentário

Arquivado em Mídia