Crise financeira e as fontes de informação

Uma boa idéia para acompanhar este momento de incertezas mundiais – de crise financeira – é buscar ângulos de análise diferenciados. Abaixo, algumas sugestões de fontes de informação:
Diário do Povo  — órgão oficial do Partido Comunista Chinês; a China, afinal, é um jogador importante nesta crise. Em inglês.

Granma  — órgão oficial do governo cubano, em português; traz “análises” de Fidel Castro, uma visão, digamos, “terceiromundista”.

The Economist  — revista semanal britânica, informações bem apuradas e visão liberal, em inglês.

Le Monde Diplomatique — edição brasileira, recorte analítico dos fatos.

Der Spiegel – perspectiva germânica.

Itar-Tass – agência russa.

Agência Irna  — visão iraniana…

BBC  — padrão anglo-saxão de jornalismo, em português.

CNN  — seção “mundo”.

Anúncios

Deixe um comentário

Arquivado em Mídia, Política Internacional

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s