Eleições e a disparidade de renda nos EUA

O discurso de Barack Obama de “espalhar a riqueza” (“spread the wealth around”) encontra eco na realidade.
Relatório divulgado na semana passada pela OECD (Organização para a Cooperação e o Desenvolvimento Econômico), mostra que a disparidade de renda (diferença entre os que ganham mais e os que ganham menos) nos Estados Unidos é uma das maiores entre os 30 países membros da organização. O site da revista Economist deu destaque à informação, trazendo os números em gráfico (abaixo).
Entre 30 países analisados, a disparidade de renda nos EUA (onde os lares mais ricos tem 16 vezes mais renda dos que os mais pobres), só é menos acentuada do que no México (25 para um) e Turquia (17 para um).
Segundo a OECD, a disparidade de renda cresceu nos EUA (e na maioria dos países analisados) nos últimos 20 anos.
Alguns economistas creditam isto à crescente financeirização da riqueza (que alguns chamam de “capitalismo de cassino”, no centro da crise atual). Um vídeo – uma conversa hilária entre dois comediantes britânicos — explica o fenômeno com humor: veja aqui (é um pouco longo mas vale a pena acompanhar)
Veja o gráfico que saiu no site da Economist:

Anúncios

Deixe um comentário

Arquivado em Política, Renda, Uncategorized

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s